Agendar Demonstração

O Praxio Globus integra de forma leve e flexível as 4 grandes áreas da sua empresa de forma segura e com total controle de acessos:

Preencha o formulário abaixo e solicite uma demonstração.

Assunto: Transporte de Cargas

20/08/2018

A averbação da carga é um processo de assegurar as mercadorias para evitar problemas no caso de sinistro, o que proporciona mais segurança para a transportadora e ao embarcador.

Na prática, a transportadora faz um seguro no intuito de proteger a carga, caso ocorra uma avaria ou roubo.

Um bom gestor procura evitar prejuízos e gerenciar as atividades com foco em redução de custos e aumento da produtividade. Como o transporte gera muitos gastos, a averbação da carga é importante para garantir a cobertura quando há risco de acidentes, o que minimiza os riscos.

A Lei de Averbação Eletrônica determina que toda carga transportada deve ser assegurada e averbada antes do transporte.

Essa Lei afeta os segmentos de transporte ferroviário, rodoviário e hidroviário, além de terminais marítimos e portuários e por via aérea.

Quais as informações necessárias para realizar uma averbação da carga

Mesmo que seja obrigatória, algumas vezes a averbação da carga pode não receber a devida importância por parte dos transportadores.

O nome do seguro é Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário de Carga (RCTR-C) e, na prática, garante que o embarcador seja reembolsado pela seguradora conforme o limite estabelecido pela apólice.

Os dados que precisam ser coletados para realizar este processo não são muito complexos e estão disponíveis quando a documentação está em ordem. Confira os itens mais recorrentes:

  • Valor da carga- este dado é importante para a seguradora fazer uma estimativa sobre o ressarcimento final;
  • Número do CTE e chave de acesso- são informações que permitem documentar as características das cargas, sua origem e os destinos dos produtos;
  • Número da apólice de seguro– com esta informação é possível confirmar que a carga foi averbada, o que facilita a obtenção do seguro e o reembolso;
  • Dados do veículo de carga– tipo, tamanho, peso etc;
  • Dados do motorista– importantes para mostrar que o condutor e o veículo são realmente os mesmos que constam no seguro.

Quais os benefícios da averbação da carga?

Apesar de não extinguir os riscos de acidentes ou a ação de criminosos, a averbação de carga salvaguarda o embarcador e a transportadora de arcar com qualquer gasto que resulte destes problemas.

Mesmo que seja um procedimento obrigatório, averbar proporciona alguns benefícios para as empresas envolvidas no processo de entrega. Saiba quais são:

  • Gerenciamento de riscos – a averbação de carga preserva os colaboradores (tanto do embarcador quanto da equipe da transportadora) de problemas decorrentes de acidentes ou roubos. Além disso, é uma ferramenta que integra a estratégia para minimizar os impactos de qualquer situação decorrente da entrega.
  • Segurança nos processos – ao cumprir esta obrigação, a empresa consegue assegurar os processos completamente. Dessa forma, a transportadora e os motoristas serão protegidos pelo seguro e ficarão mais à vontade para trabalhar, pois não precisarão arcar com qualquer prejuízo financeiro provocado pelos sinistros.
  • Menos prejuízos a transportadora tem seus custos com situações de risco cobertos pela averbação, o que ajuda a manter suas finanças equilibradas.
  • Elimina problemas com fiscalização – esta é outra questão importante, pois qualquer divergência na documentação acarreta penalidades para a transportadora e o embarcador. A averbação de carga tem a função de comprovar a conformidade dos documentos referentes a carga.

Por que é importante automatizar o processo?

O processo tem como finalidade assegurar a entrega e, por isso, não faz sentido realizá-lo de forma manual.

Ao inserir dados manualmente em uma planilha ou arquivo de texto, o colaborador pode se equivocar e errar ou deixar de inserir alguma informação. Com isso, o custo operacional aumenta e a produtividade diminui.

Contudo, há formas de automatizar a tarefa para garantir ainda mais segurança e aumentar a performance.

Para isso, o uso de um TMS (“Transportation Management System”, sistema de gestão de transportes) é recomendável, ainda mais com a possibilidade de integrá-lo com um sistema EDI que esteja dentro do mesmo padrão do software utilizado na seguradora.

Assim, é possível transmitir os dados, a cada entrega realizada, com segurança e agilidade para a seguradora responsável pela averbação de carga.

O gestorr, também é positivamente afetado pela automatização, pois passa a ter mais tempo para verificar se as cargas foram acomodadas com segurança no veículo de transporte.

O que você achou? Agora entende melhor a importância da averbação da carga?  Entre em contato conosco para ajudarmos você a realizar este processo em sua empresa!

Tags: averbação da carga

Últimas notícias